Arquivo da categoria: Uncategorized

Seda Urban Salon, eu fui.

Bonjour!

Nesse sábado (cedo, bem cedo…) fui conhecer o Seda Urban Salon, para quem (ainda) não sabe do que se trata, é uma ação promocional da marca Seda, que está passando por uma repaginada para conquistar as clientes mais exigentes e uma boa quantidade de gente que tem certo preconceito contra marcas “varejão” (conheço um monte rs, e eles tem suas razões).

Para isso eles fizeram algumas alterações nas formulas das linhas já existentes, com a ajuda de 7 experts em cabelos (cada um com sua especialidade, visite o site http://www.sedaurbansalon.com.br/) que contaram o que já usavam de  especial em seus salões, também houve mudança nas embalagem mas thanks God, nada de mudança no preço. E a ação promocional bem agressiva é esse salão VIP (e gratuito, claro) na Oscar Freire, onde só podem ir pessoas convidadas.

Como sou assinante da Elle, recebi um convite (ebaaaaa) e marquei meu horário (o primeiro rs) no sábado de manhãzinha. Na sexta me ligaram para confirmar presença, o que achei bem legal já que escutei que algumas pessoas já tiveram problemas por confusão de horário.

Cheguei lá, fui recepcionada por atendentes lindas (ai que raiva! haha) e educadas. Ofereceram-me algo para beber e a pessoa sem noção tomou uma taça de Prosecco antes das 10 da manhã, mas prometo que não fiquei bêbada, e nem sou. A primeira coisa que eles fazem é encaminhar para a análise do fio. Com um programa que “lê” alguns aspectos do seu fio mais uma lente de aumento, eles vão registrando tudo e preenchendo um pequeno questionário.

Achei bem legal, abaixo a análise que foi enviada ao meu e-mail, só para constar, eu não uso tintura nem nenhum tipo de química, não uso secador nem chapinha, por isso a coisa não está tão ruim quando poderia ser rs:

resultado

Depois da análise você é encaminhado para uma estação de cabeleireiro, onde o profissional (no meu caso o Igor Machado, do JJ

) vai lavar, dar dicas e fazer alguma finalização no seu cabelo.

O Igor é ótimo e foi bem engraçado o processo de transformação, foi tão legal que eu nem senti o tempo passar. Ele lavou meu cabelo com os produtos da linha, deu dicas e eu deixei à cargo dele como finalizar. Ele resolveu então fazer uma coisa bem Diva, com cachos grandes.  Antes do babyliss fez a escova mais rápida da minha vida (sério, Guinness Book mode on), ficou muito legal e segurou bastante nos meus cabelos.

Depois ainda ganhamos uma pequena massagem (do próprio cabeleireiro) e vamos para um espaço meio “jardim de inverno” (sem plantas rs) onde um maquiador (que eu esqueci o nome, ops) dá uma retocada no carão. Na verdade não foi nada de sensacional essa parte, só aplicou um pó por cima da base que eu já estava usando, uma sombra quase cor da pele, rímel, blush e batom. Mas fiquei com cara de saudável, então valeu. Após maquiagem eles tiram uma foto, que vc ganha de presente – a minha está horrível hauhau, não dá para ver o cabelo, com o fundo preto e falta de iluminação, mas beleza –  e uma sacola da Elle (bem grandona, amei).

A experiência foi válida e eu me acostumaria fácil com essa vida! Se você receber o convite, não deixe de ir, é muito legal e você acaba conhecendo profissionais de qualidade.

Quanto à linha Seda, eu uso sempre o Serum Camadas e em dias nublados lavo com o Shampoo Antin-Sponge, mas utilizo junto algum condicionador super hidratante (no caso o Castanha do Brasil, da Granado) senão o cabelo fica meio seco, quando terminar o pote, compro outro para ver se sinto alguma diferença na fórmula e aviso aqui.

Um grande beijo!

THE BODY SHOP

A The Body Shop é uma loja de cosméticos natureba, bem legal que tem no exterior e que eu sempre comparei à Natura, principalmente pela linha Ekos, já que a grande maioria dos produtos da The Body Shop segue essa linha de produtos com base orgânica e ecologicamente corretos.

 Como a nossa marca brasuca, eles levam bem a sério o quesito participar ativamente na comunidade defender o desenvolvimento sustentável, tanto que, na maioria dos produtos o rótulo informa qual comunidade o produto em questão ajuda (leia-se, de onde vem a matéria prima), e em geral são locais bem ermos e necessitados.

 Os produtos são bem variados e o que mais gosto é a linha corporal. Tem de tudo quanto é coisa! Morango, Manga, Côco, Castanha do Pará (a Brazil Nut rs), Manteiga de Karité, Aloe e por aí vai.

ki1

 Nessa última viagem que fiz resolvi não comprar nada demais, já que o Euro estava caro e o meu dinheiro curto, mas no último dia, eu e minha irmã passamos em frente à uma The Body Shop em Cascais, tão bonitinha que não agüentamos.

 Acabei comprando o Kit da ilustração (mas na versão Karité, minha irmã comprou esse vermelho de Morango mesmo) mais um para o rosto, indicado para peles sensíveis, a base de Aloe. Sobre ele escrevo da próxima vez. Nos concentremos no da fotos rs.

 O Kit vem em tamanhos reduzidos, o que é meio insuficiente em produtos para o corpo, mas dura viu! Se vc for pão dura como eu rs.

 Paguei 12 euros, e ele contém os produtos indicado na imagem, inclusive a nécessaire fofa.

 O Esfoliante foi o que mais gostei, além de ser super grosso ele hidrata muuuuuito, uso nos braços, onde ficam uns pelinhos encravados que com a ajuda dele se libertam. Depois que você enxágua a pele fica uma seda!

 O Creme para banho é legal, mas esse dura nada mesmo, porque tem que usar uma quantidade boa para espalhar bem, o cheiro não fixa tanto, mas a pele fica legal.

 A manteiga hidratante é realmente uma manteiga, praticamente uma margarina de Karité rs, mas não fica melecado! É ultra hidratante, usei na perna quando estava com uma área super ressecada, que até ardia e ela hidratou o lugar perfeitamente!

 A bucha é bem legal, tipo aquelas da Lux. Achei o kit muito bom, o custo benefício ótimo e como tudo o que já usei da marca, NADA me deu alergia! Amei, recomendo e quero mais!

 

Bjs

Lisboa!

torre-de-belem

Passei essa última semana em Portugal, mais especificamente em Lisboa. E como me surpreendi!

Eu esperava uma cidade agradável, mais encontrei muito mais do que isso! Primeiramente, chega a ser emocionante visitar outro país e falar português, experiência completamente inédita para mim. Ame ou não, Portugal faz parte da nossa história, e é emocionante ver os túmulos dos que aportaram aqui, tantos séculos atrás.

Os prédios antigos não são tão conservados como os de Paris, mas são muito parecidos com os nossos do centro (de São Paulo pelo menos rs), a comida não é estranha para nós, tem até arroz doce de sobremesa em restaurante rs.

É engraçado também ver cartazes por toda a cidade anunciando shows do Alexandre Pires, Daniela Mercury tocando para todos os lados e pessoas me perguntando “o que acontece com a Maya depois que ela casa” em Caminho da Índias (coisa que eu não soube responder e sinto q pegou mal rs).

O que mais me inpressionou foi a relação que eles tem com o Tejo, o rio deles, é quase surreal para mim ver pessoas velejando aos domingos no rio que segue à cidade, chegar nas margens e ver peixes…e não só porque meu contato frequente com rios é na Marginal Pinheiros ou Tietê! Mas pq eu realmente nunca havia visto isso, em Paris por exemplo, tem transporte fluvial no Sena e só! Claro que não dá p/ velejar no Sena pq ele é infinitamente mais estreito que o Tejo, e o fato de o Tejo desembocar no mar, na cara de Lisboa ajuda, mas continua sendo surreal.

Também fui à Fátima, Nararé, Batalha (onde tinha o túmulo de um Gonçalves que salvou a vida de Dom João, seria um parente? rs), Óbidos, Sintra (castelos que deixam Versalhes no chão) e cascais. E me encantei em todos esses lugares.

Agora, seguindo ao assunto básico:

MODA EM PORTUGAL

Ok, eu já havia sido avisada que Portugal não é um país tão fashion como os demais da Europa, mas realmente, não sabia que era tanto assim rs. Não que as pessoas se vistam mal, mas é tudo muito…comum!

O pessoal lá não é muito ligado na moda mesmo (digo pelo que vi nas ruas ok, não fui em nenhum lugar en vogue para ver a nata da sociedade Lisboeta rs), e uma coisa que eu e minha irmã notamos é que as jovens que buscam ser fashion exageram, tipo, mistura de muitas cores que nada tem a ver, ou peças descoordenadas…algumas coisas bem estranhas! Claro que tem muita gente bem vestida, mas você não anda na rua e pensa “nossa, quanta gente elegante!”.

Tem muitas lojas brasileiras e no fim as pouquíssimas compras que fiz foram nas básicas H&M, Bershka e El Corte Inglés. Fora a Sephora é claro rs.

Mas eu realmente amei as cidades por onde passei, especialmente Sintra, com seus castelos de conto de fada.

Portugal que me aguarde, pois eu ainda voltarei!

bjs

Creminho Supimpa

Calmance

Voltando à minha rotina de  um post por mês haha.

Hoje falo sobre um hidratante facial que eu uso bastante e adoro, o Calmance Creme Hidratante Facial da ROC (J&J).

Esse creme me foi indicado pela dermatologista, para acalmar a minha tão sensível pele do rosto, em uma época trash, em que eu simplesmente não passava nenhum hidratante nem protetor para não causar alergia.  Além de hidratar sem irritar, ele tem um “fator” chamado Feverfew, que me ganhou eternamente rs. O que acontece é que pessoas que tem pele muito sensível tende a sentir o rosto esquentar ao passar qualquer produto, e também ficar vermelho. Eis que esse fator é exatamente para isso não acontecer! Quando eu passo ele sinto uma sensação boa e refrescante em um local que antigamente pegaria fogo! E em menos de um minuto minha pele está da cor normal (e não vermelho-pimentão-oi-gente-passei-creme)!

Ele tem diversos compostos interessantes que ajudam a pele a se tornar mais resistente (efeito placebo ou não, eu senti isso!) e Ginkgo Biloba, aquela  plantinha nota 10 que ajuda no combate aos radicais livres e melhora a circulação. E o cheiro do hidratante é bem levinho, cheiro de mato, chá mesmo!

Apesar de entusiasta desse creme é bom alertar, ele é um pouco oleoso, pouco, mas é! Quando eu usava ele direto me causou algumas (poucas) espinhas, hoje, com a pele muito mais saudável eu utilizo ele somente em áreas onde não aplico o clareador (Klassis) e em locais sensíveis, lesados ou ressecados. Também vale dizer que, depois de um tempo de uso o óleo dele meio que se separou do resto da fórmula (as vezes eu esqueço de agitar antes de usar, aperto o tubinho e sai só um óleozinho).

Acho esse creme uma boa (e não cara) aquisição para pessoas com os problemas descritos ao longo do texto, mas desnecessário para quem tem a pele resistente ou muito oleosa.

C’est tout!

bjs

Coisas legais para a necessaire de viagem

Eu sempre carrego um bolsão comigo! Cheio de coisas necessárias e as nem tanto! Mas, houve um tempo em que no quesito make eu era bem sucinta!

Era simples eu sempre carregava somente um estojo de viagem, desses que a gente compra nos Dutys da vida, por muuuuito tempo usei um da Revlon, que era prata e no fim de sua vida útil ficou “branco-riscado” de tão detonado pelo atrito com as outras coisas da minha bolsa. Fora ele, o máximo que eu carregava era um pó e lápis para olhos.

Hoje lembrei desse passado distante ao arrumar a minha bolsa e me deparar com uma necessaire atolada de coisas (5 rímeis, 2 balms, 4 batons, 3 blushs e mais uma porrada de coisas, fora o estojo de viagem e um outro de sombras!) e fiquei pensando, quando foi que essa mudança brusca ocorreu? Acontece que é bem simples, eu costumo a me maquiar no carro (sei nada elegante, mas é isso ou chegar atrasada) então levo todas as opções! Tanto que, quando vou viajar eu simplesmente transfiro o conteúdo da minha bolsa para a mala e tcharam! Tudo pronto!

Olhando isso tudo (e o peso da minha bolsa) pensei nas coisas legais que lançam por aí para facilitar nossa vida e evitar crises de abstinência! Uma delas eu nem uso, mas tenho (e carrego kkk), e uma amiga que tem igual não vive sem:

O curvex de viagem da Sephora!

recourbe

Paguei módicos 3 euros nele e apesar de não usar continuo achando uma compra legal só pela alegria da minha amiga! Já que esse é o tipo de coisa que você pode carregar na mala de mão no avião.

A Sephora tem toda uma linha inspirada nessa vida de aeroportos e eu acho o máximo! Tem um kit que salvou minha vida (ok, salvou minha cara de “passei 12 horas no avião”) no dia em que voltei de viagem e fui do aeroporto direto para a festa de casamento da minha cunhada! (rolou uma quick ducha no banheiro kkk), o kit Aéroport (EU 14,90 mas paguei 10 na promoção).

aero

Essa belezinha contém 10 lenços demaquilantes (que não deixam a pele oleosa), 1 lenço desodorante,  um gel para as mãos anti-bacteriano,  uma escova de dentes e um pente (ambos em formato compacto) e um potinho vazio. O pote de gel tem menos de 100 ml, logo pode entrar na cabine numa boa, e o potinho vazio eu usei p/ colocar um pouco de pasta de dente e pronto! Você não fica porquinha na viagem!

Acredito que muitas lojas tenham produtos desse tipo, é só procurar!

Então, com licença que eu vou tentar resumir minha coleção de makes “portáteis” por aqui!

Um beijo!

 

 

Compras sem noção

Sexta feira me deu um impulso, compulsão mesmo ao ver a pallete de sombras que eu tanto queria por apenas 29 reais na Sacks, não aguentei, comprei ela e acabei levando mais um blush e uma lixa da Bourjois! (sim, 29 reais mais do que se duplicaram). O sem noção do título é porque eu deveria estar economizando, mas…foi mais forte do que eu!

Bom, chego do almoço no escritório e lá está a caixinha! Pela primeira vez a Sacks entregou em 1 dia útil para mim! Normalmente demora 5 dias (eles prometem 3)!

Vamos ao produtos (devidamente testados somente 1 hora atrás, ou seja, não esperem teste de durabilidade).

REVLON SOFT ON THE EYES SHEER LOOSE POWDER – cor 765 Head in the Clouds (tamanho do estojo m cm: 12x6x1,5)

head-in-the-clouds

Esta é a Pallete tão querida! É verdade que quase comprei a outra opção de cores, aparentemente mais intensas, mas fiquei com medo de não usar, já que qualquer cor aparece bastante no meu rosto pois sou muito clara.

O estojo é lindo, muito bem feito, essa parte que mostra na foto é a parte de baixo dele, a parte superior é uma capinha cáqui. Como gosto muito de embalagens diferente fiquei feliz com essa,  o pó fica protegido por uma tampinha com um furinho central (como as sombras mais novas da Contém 1g) e esse furo fica fechado por uma parte de acrílico, que, quando abrimos o estojo se movimenta, liberando espaço para pegarmos a sombra. Vem com espelho e um pincelzinho para aplicar a sombra, como novata eu sempre uso esponja (é eu sei, só eu…) para aplicar, mas até que esse pincel é divertido.

Quanto às cores são muito bonitas, com pontinhos cintilantes, mas beeeeem mais claras do que a foto acima, imagino que com um primer (coisa que eu também não uso kkk) fiquem mais fortes, mas gostei bastante, e vem uma quantidade considerável de pó. Gostei muito, e por 29 reais sem frete, gostei mais!

REVLON A FLORAL AFFAIR – cor 470 Peachy Keen (tamanho do estojo em cm: 6x6x1,2)

floralaffair_revlon1

Esse blush é muito lindo! Essa é a cor que eu comprei (o site da Sacks só tem foto da outra opção, mais pêssego, fiquei com medo do efeito bronzer na minha pele já rosada), as cores são um pouco menos rosadas que nessa foto, o rosinha claro é mais pêssego e a cor intermediária é mais terra, todas as 3 cores tem um brilho bem dourado, diferente dos que estou acostumada a usar. Eu amei, achei o pó mais pigmentado do que o da sombra e os brilhinhos dourados dão um efeito muito legal, não precisa ter mão tão leve para aplicar porque não é o mais pigmentado do mundo, mas não é tão fraco quanto o em mousse da Contém 1g. Gostei mesmo e recomendo (também está em promoção por 29 reais)

e por último, tcharam…

 BOURJOIS MINI POLISSOIR 3 EN 1 (tamanho em cm: 6x2x1,5)

polissoir

Eu estava de olho nessa lixinha faz tempo, por dois motivos simples, primeiro porque ela tem a “função” polir, segundo poque ela é linda e está escrito em francês (e inglês) e como uma boa estudante do idioma (né professeur?) adoro ter coisinhas escritas em francês.

Ela vem com o “passo-a-passo” escrito nela, o 1 Limer lixa nas duas faces (superior e inferior) e dos lados  tem as funções 2 Polir que iguala a superfície da unha e o tão esperado 3 Lustrer que lustra ela, mas lustra mesmo! Eu só havia encontrado lixas que também lustram e Orlando e Miami, por isso fiquei louca por ela, se lustrar bem, parece que passou base, e como não posso usar muito esmalte eu adoro. Foi R$ 12,90 mas já vi por R$ 9,00 (só que estava esgotada).

Enfim, adorei minhas compras, só que por causa delas precisarei segurar por mais umas semanas minha passada na Khiels kkkk

Bjs

Papo Sério – artigo extraído da Folha de São Paulo

 
Cruz Vermelha e Defesa Civil de SP recebem doações para ajudar vítimas de Santa Catarina.

 

A Cruz Vermelha Brasileira e a Comdec (Coordenadoria Municipal da Defesa Civil-SP) anunciaram nesta quarta-feira a criação de postos para arrecadar doações para as vítimas das chuvas que atingem Santa Catarina.

A arrecadação vai funcionar 24 horas na sede da Comdec, na rua Afonso Pena, 130, no bairro Bom Retiro, e na sede da Cruz Vermelha Brasileira, na avenida Moreira Guimarães, 699, no bairro Saúde. As defesas civis das subprefeituras receberão doações em horário comercial.

Os postos vão receber doações de roupas, calçados, cobertores, fraldas, água potável, material de higiene, alimentos não perecíveis, entre outros.

 

 

Alimentos doados por outros Estados são organizados

 em Florianópolis para distribuição nas regiões afetadas

 pelas chuvas.

Pedidos

A Defesa Civil de Santa Catarina pediu doações de água potável, médicos voluntários e dinheiro aos municípios atingidos pelas chuvas. Com acessos interditados, há, no entanto, dificuldade para a entrega dos materiais. Com isso, Defesa Civil Estadual pede para os interessados priorizem as doações em dinheiro nas contas bancárias.

A água poderá ser entregue na Defesa Civil dos municípios, além dos órgãos de segurança do governo estadual, como polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros.

Hospitais do Estado pediram também ajuda de médicos voluntários, como é o caso do Santo Antônio, em Blumenau, que precisa de um oftalmologista. Medicamentos para atender 50 mil pessoas foram enviados pelo Ministério da Saúde.

A Defesa Civil informou três contas bancárias para receber doações para compra de mantimentos. Os interessados em contribuir podem depositar qualquer quantia nas seguintes contas:

Banco do Brasil – Agência 3582-3, Conta Corrente 80.000-7;


– Besc – Agência 068-0, Conta Corrente 80.000-0;


– Bradesco Agência 0348-4, Conta Corrente 160.000-1


Em nome da pessoa jurídica é Fundo Estadual da Defesa Civil, CNPJ – 04.426.883/0001-57

 O município de Itajaí, um dos mais afetados pelas chuvas, pede material para sutura e curativos para poder atender os feridos.

As doações podem ser entregues na Univali Itajaí –rua Uruguai, 458, em Itajaí. Moradores de outros Estados do país devem encaminhar os materiais para qualquer posto da Defesa Civil.

Fica a dica para quem puder ajudar!

Bjs